11 Abril 2018

Unidade na ressurreição: saudações à Igreja Ortodoxa

A tradicional saudação por ocasião da Páscoa Ortodoxa. Sinal de unidade na ressurreição.

Ecumenismo

Loading the player...
Embed Code  

Solicite Vídeo de Alta Qualidade
Copy the code below and paste it into your blog or website.
<iframe width="640" height="360" src="https://www.cmc-terrasanta.org/embed/unidade-na-ressurreicao-saudacoes-a-igreja-ortodoxa-14734"></iframe>
Solicite Vídeo de Alta Qualidade
Por favor, envie um email para :
info@cmc-terrasanta.org

Assunto: Pedido de Vídeo de Alta Qualidade

Mensagem:
Arquivo Pessoal / promoção CMC / TV Broadcasting

http://cmc-terrasanta.com/pt/video/ecumenismo-3/unidade-na-ressurreicao-saudacoes-a-igreja-ortodoxa-14734.html

Nenhuma parte deste vídeo podem ser editadas ou disseminada sem um acordo com antecedência com o Christian Media Center acordarem os termos e condições de publicação e distribuição.
Aconteceu, mais uma vez, a tradicional saudação de Páscoa entre a Igreja Latina e os representantes das Igrejas Orientais. As autoridades das várias confissões foram calorosamente acolhidas no Patriarcado Grego Ortodoxo.

Fr. DOBROMIR JAZTAL, ofm
Vigário da Custódia da Terra Santa
“Uma verdadeira experiência de fraternidade, de respeito, de recíproco conhecimento. Uma tradição de séculos e todos os que a respeitam, a esperam pois é um belíssimo sinal de unidade e fraternidade”.

Dois momentos foram marcantes: o primeiro envolveu os freis da Custódia da Terra Santa e o segundo, os representantes das igrejas presentes no território, o administrador apostólico do Patriarcado Latino, Dom Pierbattista Pizzaballa e os delegados siríaco, copta e etíope.

Dom ANBA ANTONIUS
Arcebispo da Igreja Copta Ortodoxa de Jerusalém e do Próximo-Oriente
“Por aqui esta é uma tradição anual. Em todas as festas nos encontrarmos com o patriarcado ortodoxo e nos saudamos. Isso indica a nossa unidade com as outras confissões: compartilhamos a alegria destes dias de festa e isso nos aproxima uns os outros e nos une como Jesus pediu que se unissem os seus discípulos”.

THEOFILO III
Patriarca Grego Ortodoxo de Jerusalém
“Este hábito de nos saudarmos nesta ocasião é importante porque somos cristãos e devemos superar nossas diferenças, nossas divisões”.

THEOFILO III
Patriarca Grego Ortodoxo de Jerusalém.
“Graças a Deus esta é uma contribuição para o processo de unidade e partilha da mesma ceia eucarística”.

“Os representantes se cumprimentaram e pronunciaram discursos baseados na unidade e paz entre eles, concluindo com a certeza do que os une: Cristo ressuscitou, ressuscitou de verdade!”.