14 Fevereiro 2017

Nisaa FM, a primeira rádio feminina do Oriente Médio

A história da emissora radiofônica que se propõe a derrubar os estereótipos sobre a mulher e a favorecer a integração entre os dois sexos na sociedade palestina.

Loading the player...
Embed Code  
Solicite Vídeo de Alta Qualidade
Copy the code below and paste it into your blog or website.
<iframe width="640" height="360" src="https://cmc-terrasanta.com/embed/nisaa-fm-a-primeira-radio-feminina-do-oriente-medio-12438"></iframe>
Solicite Vídeo de Alta Qualidade
Por favor, envie um email para :
info@cmc-terrasanta.com

Assunto: Pedido de Vídeo de Alta Qualidade

Mensagem:
Arquivo Pessoal / promoção CMC / TV Broadcasting

http://cmc-terrasanta.com/pt/video/nisaa-fm-a-primeira-radio-feminina-do-oriente-medio-12438.html

Nenhuma parte deste vídeo podem ser editadas ou disseminada sem um acordo com antecedência com o Christian Media Center acordarem os termos e condições de publicação e distribuição.
Ajudar as mulheres a superarem o isolamento e a criarem pontes.
Esta a missão de Nissa Fm, a primeira rádio comercial feminina de todo o Oriente Médio. Queremos dar uma contribuição para favorecer a integração entre o masculino e o feminino, lê-se no site web, e queremos fazê-lo partindo da comunicação.

MAYSOUN ODEH GANGAT
Diretora Rádio Nisaa FM
Tudo começou pelo encontro com um empresário suíço Yann Borgstedt, presidente da Womanity Foundation, que agora é nosso parceiro. Nos conhecemos em Jerusalém em agosto de 2009 e ele manifestou o desejo de abrir uma emissora radiofônica de mulheres. Realizamos juntos essa ideia.

Estivemos no ar pela primeira vez em 2010, com dois programas diários.
Ao longo de poucos meses a audiência cresceu 2%. Hoje mais de 600 mil pessoas em todos os territórios palestinos ouvem a Rádio Nissa, em árabe.

MAYSOUN ODEH GANGAT
Diretora Rádio Nisaa FM
A parte do conteúdo da rádio é dedicados às mulheres, mas também aos homens. A elas, damos estímulos, sugestões sobres seus direitos... Conversamos, entretendo-as com música e outras coisas... A maioria do time é composta por mulheres, pois esse é o outro intuito de Nisaa FM: formar mulheres jornalistas que tenham condições de ocupar posições de responsabilidade.

Em sua sede de Ramallah, Nisaa FM conta hoje com uma dezena de funcionários, formados em comunicação ou pessoas experiências profissionais nessa área.

DUAA SIOURI
Jornalista Rádio Nisaa FM
Trabalho aqui na “Rádio Nisaa FM” há um mês e meio aproximadamente. Mudei-me do segmento televisivo porque quis me especializar nos problemas das mulheres, sobretudo porque aqui na Palestina elas nunca têm espaço. Portanto, quis trabalhar com uma Rádio feminina que desse voz às mulheres marginalizadas ou ignoradas.

YAZAN SAMARA
Diretor programas e produção Rádio Nisaa FM
Talvez as pessoas pensem que o nome seja um pouco forte “Mulheres FM” – imaginem encontrar uma rádio que se chama “homens FM”! Mas eu acho que é um meio de encontro entre homem e mulher, na tentativa de se alcançar uma compreensão mútua.

Ao longo dos anos a rádio ganhou a estima e o apoio de inúmeras realidades, quer locais quer internacionais. Da Unesco ao Consulado dos Estados Unidos, até muitos ministros palestinos e ONGs que atuam no território.

MAYSOUN ODEH GANGAT
Diretora Rádio Nisaa FM
Aqui também mudamos os estereótipos sobre as mulheres: elas não são apenas vítimas, são responsabilizadas, têm histórias de sucesso. Temos muitos modelos a serem seguidos, que vêm aqui até Nisaa e contam que conseguiram seu objetivo: empresárias, artistas, ministras e assim por diante. Eu acho que, através de algo dedicado a elas, é realmente possível eliminar a imagem negativa da mulher, dentro e fora de nós.